A solução traz maior agilidade, flexibilidade e custo-benefício para as empresas

As empresas têm percebido que a necessidade de aprimorar suas conexões WAN (rede de longa distância) para suportar o aumento de tráfego gerado por novas aplicações, novos comportamentos ou transformações digitais – que, de acordo com o 10º Relatório Cisco® Visual Networking Index (VNI) Global Forecast and Service Adoption 2014-2019, vai atingir uma taxa de crescimento de 30% em 2019 –  se torna, a cada ano, maior e mais urgente. Atualmente, as organizações trabalham com sedes, filiais, clientes e fornecedores em localidades geográficas distantes e precisam ter uma boa conexão com os data centers ou provedores na nuvem para uma comunicação eficiente e segura. Ocorre que o enorme fluxo de dados está pressionando os limites das arquiteturas tradicionais tornando inviável que a WAN tradicional acompanhe esse ritmo. Então, qual é a saída?

SD-WAN: o caminho para o futuro

Mais do que nunca as empresas precisam contar com uma arquitetura de TI que responda às necessidades dos negócios de forma rápida e consiga entregar com maior agilidade, soluções para a crescente demanda por acessos eficientes e seguros. Neste cenário, o conceito de WAN definida por software, chamado de SD-WAN, vem ganhando espaço, sendo apontado como um dos principais aliados para aumentar a competitividade e produtividade no mercado.

Nas últimas duas décadas as conexões entre sedes e filiais ou unidades eram e ainda são, prioritariamente, realizadas pela tecnologia MPLS (Multi Protocol Label Switching), em que as unidades ou organizações são conectados à rede (backbone IP) por vias exclusivas, tendo uma boa estabilidade e garantia de entrega. Porém, o aumento da demanda por banda e muitas vezes a falta de oferta longe dos grandes centros faz com que, tanto tecnicamente, quanto financeiramente, esse tipo de conexão, sozinha, não atenda mais à necessidade.

Com uma rede definida por software na WAN, as empresas podem melhorar o desempenho, reduzir custos e permanecer seguras. É uma nova abordagem voltada para software, que roteia o tráfego, mantém o desempenho das aplicações e se adapta às condições dinâmicas da rede, fazendo uso inteligente das conexões de dados.

Os recursos são direcionados de acordo com as necessidade de cada negócio, e quem define as regras é a própria empresa que adota a tecnologia. Outra vantagem do SD-WAN é a possibilidade de integração com a rede MPLS já existente, criando uma rede híbrida, potencializado a performance, a disponibilidade e o custo para as empresas.

É uma solução que fornece uma arquitetura de serviços segura, flexível e completa e ajuda as empresas a obter um alinhamento dinâmico entre as estratégias de negócios e de TI, a política de aplicativos e a configuração da WAN.

Quais dificuldades as empresas estão enfrentando?​

Com o crescimento acelerado do tráfego e advento da nuvem, garantir a experiência e produtividade, principalmente das unidades remotas, é uma das maiores dificuldades encontradas pelas empresas. Todavia, outros obstáculos também podem surgir, tais como:

Aumento da largura da banda

O serviço de aumento de banda costuma ser caro e dificilmente sua solicitação será atendida de imediato devido à disponibilidade. Isto pode ser um entrave para a empresa, já que, se a banda não suportar a demanda, novos projetos ou até a produção pode ser impactada.

Gerenciamento de redes diversas

Quando há diversos dispositivos com a mesma função na filial e gerenciamento em silos, é necessário utilizar vários serviços para implantá-los, monitorá-los e solucionar os problemas.

Arquitetura rígida

Com uma rede inflexível, sempre que for preciso usar novos aplicativos, uma reconfiguração será necessária, causando uma demanda maior ao time de TI. Com a velocidade com que novas ferramentas são criadas, esta demora pode causar prejuízos à sua empresa e até torná-la obsoleta.

Como a Cisco SD-WAN pode ajudar

A Cisco, líder mundial em TI, disponibiliza o Cisco SD-WAN, com o qual é possível distribuir aplicações em minutos, em qualquer plataforma, com desempenho previsível e coerente. A SD-WAN ajuda você a montar uma WAN, o que significa oferecer experiências melhores para clientes e colaboradores.

Em uma única sobreposição, que se estende para ambientes de data center e nuvem, otimiza o desempenho do software como serviço (SaaS) no Office 365, no Salesforce e outros, além de oferecer conectividade simplificada com a nuvem pública para facilitar os fluxos de trabalho de AWS, Azure e outros, com políticas de reconhecimento de aplicação em tempo real para soluções no local ou na nuvem.

Veja os benefícios do SD-WAN para as empresas:

SIMPLIFICAÇÃO DA REDE

Com um sistema automatizado, oferece uma maior agilidade para implementar serviços, facilidade na configuração e centralização das soluções de problemas.

AGILIDADE NOS PROCESSOS

Com o Cisco SD-WAN, é possível utilizar vários links, dispositivos e serviços ao mesmo tempo, sem interromper os processos em andamento e integrar as APIs em vários sistemas de gerenciamento e de relatórios.

OTIMIZAÇÃO DE PERFORMANCE

Por meio de links híbridos ou de conexão com acesso direto e seguro aos aplicativos da empresa e da nuvem, é possível ter um maior desempenho e otimizar os processos.

REDUÇÃO DE CUSTOS

A centralização das soluções de rede proporciona a redução de custos de fornecimento de hardware, dispositivos, roteadores e outras soluções.

Cisco SD-WAN em números

  • 80% de redução de custo/Mbps em um provedor de seguros nacional;
  • Melhoria de 5 vezes no desempenho do Office 365 em uma empresa de serviço de saúde;
  • Migração para a nuvem pública concluída em uma semana (estimada em 12 meses) em uma grande empresa de tecnologia;
  • 100% de tempo de atividade das aplicações durante apagões devido a furacões em uma distribuidora nacional de produtos alimentícios;
  • Melhoria de 4 vezes na latência de aplicação em um provedor de serviços de saúde;
  • Redução de US$ 20 milhões com despesas operacionais (OpEx) ao longo de três anos em um varejista;
  • Implantação da rede sem fio para convidados em mais de 1000 lojas para um varejista.